Conforme divulgado anteriormente, ingressos da turnê de Ed Sheeran comprados em sites não autorizados são invalidados em show no Reino Unido

Os fãs de Ed Sheeran ganharam a opção de comprar ingressos com novos valores, depois de muitos serem rejeitados no primeiro show da turnê do Reino Unido

Kilimanjaro Live, DHP Family e AEG Presents, que juntos produzem a turnê “÷ ” de Ed Sheeran no Reino Unido, iniciada no dia 24 de Maio, mantiveram sua palavra ao invalidarem ingressos comprados em sites de revenda não autorizados como o Viagogo.

As três empresas anunciaram em Julho que uma quantidade estimada de 10.000 ingressos (cerca de 10% do total vendido) destinados a agências não teriam validade para a turnê de 18 datas, que começou no dia 24 de Maio no Etihad Stadium em Manchester, com capacidade para 60.000 pessoas.

Três dos quatro maiores sites de vendas de ingressos concordaram em não listar esses ingressos, apesar da Viagogo se recusar no início. As principais e oficias agências de ingressos são See Tickets e Ticketmaster, enquanto a Twickets cuida da revenda de ingressos.

Apesar dos avisos feitos pelo CEO da Kilimanjaro, Stuart Galbraith, enviados aos fãs com ingressos, pessoas chegaram ao show sem saber que estavam em posse de ingressos cancelados.

A eles, foi dada a opção de comprar novos ingressos com o valor de face de £150, além de serem aconselhados a contactar a Viagogo ou sua empresa de cartão de crédito para o reembolso da cobrança “fraudulenta”.

Galbraith disse à BBC que a decisão é uma certeza de que os fãs estão pagando “o preço do ingressos que Ed gostaria que pagassem.”

“Hoje estamos ajudando pessoas que chegaram a pagar até £4,000, o que é um absurdo”

“Apesar de ser inconveniente para os consumidores, nós estamos ajudando-os a reembolsarem transações nas quais foram lesados. Hoje estamos ajudando pessoas que chegaram a pagar até £4,000, o que é um absurdo.”

“Todos com os quais lidamos hoje, e foram centenas, demos conselhos de como conseguirem o reembolso pelos seus ingressos de preços incorretos e vendemos a eles ingressos com valor de face. Então, conseguimos fazer o que Ed quis que fizéssemos.”

“Fãs que não podem comprar os novos ingressos de imediato terão a opção de voltarem e comprarem ingressos para uma data diferente,” disse Gailbraith.

Depois de quatro noites em Manchester, a turnê “÷ ” continua em Glasgow, com três noites no Hampden Park (capacidade de 90.000 pessoas), de 1 a 3 de Junho, três no St. James’Park (52.000 pessoas) em Newcastle de 8 a 10 de Junho, quatro no estádio de Wembley (90.000 pessoas) em Londres, de 14 a 17 de Junho e quatro no estádio Principality (74.500 pessoas) em Cardiff, de 21 a 24 de Junho.

Fonte: IQ Magazine