FALECE LARRY HARRIS, O CO-FUNDADOR DO CASABLANCA RECORDS

Por Deca Pertrini

Segundo o New York Times, Larry Harris, o co-fundador da Casablanca Records, faleceu em decorrência de um aneurisma abdominal em Port Angeles ( Washington), em 18 de dezembro. Ele tinha 70 anos.

A Casablanca Records foi uma editora discográfica formada em 1973, dirigida por Neil Bogart e os parceiros Cecil Holmes, Larry Harris e Buck Reingold.

Sua primeira assinatura foi com o Kiss (1974), mas a Casablanca rapidamente se tornou associada ao funk e disco music, depois de ter grande sucesso com Donna Summer na famosa “Era Disco. Village People, Love and Kisses, Lipps Inc. e Cher foram outros grandes nomes da marca registrada mais notória dos anos 70.

Larry Harris nos bastidores com Gene Simmons em Detroit, em 1975. Kiss foi um dos pilares da lista de Casablanca, junto com Donna Summer e Cher

Larry Harris nos bastidores com Gene Simmons em Detroit, em 1975. Kiss foi um dos pilares da lista de Casablanca, junto com Donna Summer e Cher

Mas tanto quanto Kiss e Donna Summer estavam trazendo dinheiro para o selo, até o final dos anos 70, a Casablanca também gastou muito e tornou-se sinônimo dos excessos alimentados por drogas da década. “Nós voávamos todos de primeira classe e íamos de limusines para todos os lugares. Queríamos nos destacar como o selo mais divertido de todos os tempos e acho que conseguimos isso , disse Harris em entrevista ao Legendary Rock.

A Casablanca Records foi vendida para a Polygram em 1980. Bogart faleceu de câncer dois anos após a negociação.

Harris mudou-se para Seattle em 1989, abrindo um clube de comédia com o passar dos anos. Em 2009, publicou o livro”And Party Every Day: The Inside Story of Casablanca Records”, onde narra os acontecimentos da época em que viveu na gravadora.